mercado de criptomoedas

Mercado de criptomoedas: 5 dicas para investir

Desde que a primeira cripto foi lançada, Bitcoin (BTC) em 2008, várias outras foram criadas, aumentando a popularidade do mercado de criptomoedas. Interessados em diversificar os investimentos, cada vez mais investidores buscam entender como esse segmento funciona.

Hoje em dia, o mercado de criptomoedas já conta com mais de nove mil opções virtuais em circulação, e a tendência é que esse crescimento continue. Por conta disso, a popularização das exchanges, locais de compra e venda de criptos, como a NovaDAX, tem chamado a atenção.

Semelhante ao mercado de ações, as operações com criptomoedas são um investimento de risco, afinal o investidor deve lidar com oscilações bruscas, positivas e negativas, o que torna ainda mais importante conhecer o criptomercado. A seguir, separamos algumas dicas para ajudar você a construir uma estratégia assertiva.

1 – Invista em criptoativos fundamentados

Com a evolução do mercado de criptomoedas hoje, existe um extenso portfólio para o investidor analisar e escolher a melhor cripto para integrar a carteira. Porém, em meio a tantas opções, qual escolher?

Mesmo que, atualmente, existam criptoativos fundamentados, ou seja, criados e consolidados há algum tempo, como Bitcoin e Ethereum (ETH), opções com menos risco, às vezes, o valor não compensa. Por isso, há o interesse do investidor em criptomoedas novas, como Cardano (ADA) e Solana (SOL).

Seja para começar a negociar moedas digitais fundamentadas ou “apostar” naquelas mais recentes, é necessário estudar cada caso. Ou seja, conhecer o processo de mineração e a quantidade em circulação, além de entender o papel no mercado de criptomoedas. Lembre-se: todo detalhe conta na tomada de decisão.

2 – Diversifique a sua carteira de criptomoedas

Assim como acontece em outras modalidades de investimentos, é comum que os investidores se deixem levar pela Síndrome FOMO (Fear of Missing Out), ou seja, pelo medo de estar perdendo algo. Por isso, às vezes, em vez de distribuir o patrimônio em criptos distintos, concentra-se em uma.

Tanto no mercado de criptomoedas no Brasil quanto em outros países, é comum essa sensação de que, se não aproveitar o “boom” de uma moeda digital, irá perder um bom negócio. Contudo, do mesmo modo que um criptoativo pode ter uma grande valorização, é possível que o cenário contrário aconteça.

O mais recomendado para lidar com as oscilações do mercado é distribuir o patrimônio em criptomoedas que você conhece e já estudou. Assim, mantém-se um certo grau de segurança, afinal se uma moeda desvalorizar, outra pode compensar essa queda.

3 – Atenção aos movimentos de “pump and dump”

É comum que as criptomoedas no mercado realizem um movimento chamado de “pump and dump”, ou seja, “inflar e largar”. Esse comportamento ocorre quando um grupo de investidores adquire uma grande quantidade de uma cripto com baixo valor, o que leva à valorização.

A estratégia é que, com esse movimento, haja uma alta no valor da criptomoeda, e os investidores que a compraram no início consigam vendê-la com rendimentos maiores. Mas se você não está atento a essa mudança, as chances de que tenha prejuízos são altas.

Por isso, antes de tomar qualquer decisão de compra e venda, vale conferir se as informações são provenientes de sites confiáveis. Na NovaDAX, por exemplo, você conta com relatórios para entender mais sobre como funciona o mercado de criptomoedas.

4 – Utilize os gráficos em tempo real para monitorar o mercado

Outra dica importante para começar a operar no mercado de criptomoedas de maneira assertiva é estudar os gráficos que sinalizam o comportamento dos criptoativos. O gráfico de candles é uma alternativa interessante, já que fornece informações que ajudam a monitorar os valores das moedas digitais.

Na NovaDAX, por exemplo, você encontra gráficos com cotações em tempo real de todas as criptomoedas listadas em nosso portfólio. Assim, recebe auxílio na tomada de decisão.

5 – Defina estratégias de longo prazo

Existem diversas estratégias que podem ser utilizadas para aprimorar as operações de criptos, como estudar o mercado de criptomoedas que podem ser usadas de curto a longo prazo, por exemplo.

Por conta da possibilidade de alto rendimento a longo prazo, os investidores tendem a preferir esse tipo de estratégia. Porém, é importante diversificar as opções, apostando em uma rentabilidade futura.

Conheça a NovaDAX e comece a negociar com uma exchange confiável

Mesmo com todas essas dicas, para começar a investir no mercado de criptomoedas, é importante encontrar uma exchange de confiança para compor a sua carteira de criptoativos, como a NovaDAX, por exemplo.

Como uma das exchanges líderes no mercado, possuímos um portfólio com mais de 40 pares de criptomoedas para você comprar e vender. Além disso, a NovaDAX é a primeira plataforma que conta com um cartão pré-pago para você usar as moedas digitais em compras, sem nenhuma burocracia.

Compartilhe

Leia mais