[rank_math_breadcrumb]

SEMANA DA MOEDA: LISTAMOS O BAL

Criado por um brasileiro, o protocolo Balancer (BAL) já é o décimo segundo maior projeto de finanças descentralizadas do mundo, com mais de US$1,27 bilhão de dólares alocados e uma valorização de 197% nos últimos 200 dias. E, hoje, orgulhosamente dizemos que o BAL está listado na NovaDAX.

Em vez de pagar alguém para balancear seu portfólio de criptomoedas, que tal ganhar com traders que fazem isso por você? O Balancer trouxe ideias inovadoras para as finanças e colocou Wall Street de cabeça para baixo.

Hoje nós vamos explicar como esse protocolo funciona, as vantagens do token BAL e tudo o que você precisa entender sobre essa revolução.

O que é BAL?

 O BAL é um criptoativo de governança para o protocolo Balancer, um projeto que vem ganhando destaque no mercado de ativos digitais pela sua inovação e flexibilidade. 

O protocolo Balancer facilita a vida de quem quer ganhar renda passiva com seus criptoativos, ao mesmo tempo em que ajuda quem procura o menor preço de compra e boas oportunidades de trade. 

Para quem tem vários criptoativos, o Balancer é como se fosse um gestor automatizado de portfólio. Entretanto, em vez de você pagar uma taxa para seu gestor fazer os ajustes necessários, você ganha por prover liquidez ao mercado. 

Já quem está procurando o melhor preço pode buscar oportunidades no protocolo, comprando de quem está com o portfólio desequilibrado por um preço menor, enquanto paga uma taxa de compra. 

Dessa forma, quem compra ganha com o bom preço e quem colocou os ativos na Balancer leva um serviço de gestão passiva de portfólio de graça, além de coletar algumas taxas. Todos saem ganhando no final. 

 

Quais as vantagens do BAL?

 Diferente da Uniswap e outros concorrentes, a BAL (Balancer) possibilita a criação de pools de liquidez com mais de 2 ativos, facilita o desenvolvimento de portfólios por investidores e é o mais flexível Market Maker Autônomo entre as DeFis. 

•Para os traders: há o subsídio de taxas de transação com BAL, otimização de preços com algoritmo de rotas inteligentes e grande quantidade de combinações para negociação. 

•Para os investidores: têm disponível um fundo de índice que te paga para balanceá-lo e você ainda tem controle completo sobre o ativo. Esqueça os ETFs. 

•Para programadores: dá enorme flexibilidade na criação de pools, incluindo smart pools controladas por algoritmos, pools privadas e públicas. Além do controle completo sobre fees e curvas de preço. 

A flexibilidade é tão grande que uma série de protocolos utilizam a Balancer como projeto de apoio para incentivar liquidez e outras funcionalidades, dentre eles AAVE, Gnosis e Ocean.

Além disso, podemos destacar as camadas de segurança do protocolo:

 

•Auditorias: foram feitas 3 auditorias no protocolo apenas em 2021. A primeira delas pela reconhecida Certora, depois pela OpenZeppelin que é reconhecida mundialmente pela sua expertise em contratos inteligentes e por fim pela Trail of Bits que também fez auditoria da moeda Monero. 

•Recompensas por bugs encontrados: as recompensas chegam a US$2 milhões em ether para quem achar um problema no protocolo. Isso diminui os incentivos para hackers, que agora podem ganhar dinheiro legalmente ajudando o projeto. 

•Pausa de emergência: para garantir a segurança da Balancer versão 2, um controle de emergência foi adicionado. Ele ficará ativo por 3 meses após o lançamento da última versão, quando será automaticamente desativado para tornar o protocolo ainda mais descentralizado e imparável. 

Além disso, a Balancer é open-source e conta com uma equipe renomada de programadores e especialistas construindo o projeto. 

Curiosidades por trás da BAL

A Balancer Lab, empresa por trás do desenvolvimento da ideia, foi fundada pelo brasileiro Fernando Martinelli e Mike McDonald como um programa de pesquisa da empresa BlockScience em 2018.

Fernando é formado pela Universidade Federal de Santa Catarina e é Mestre em Robótica e Processamento de Imagem pela Heriot Watt University, sendo eleito como o melhor aluno. Ele foi co-fundador da PrepLounge e da empresa de bebidas Brasil Mate antes de fundar a Balancer.

Em 2020 o projeto recebeu US$3 milhões em investimentos da CoinFund, Accomplice, Place holder e Inflection. O projeto foi lançado em 2020 e ganhou força após a adição do token BAL no ecossistema. 

Além de Fernando, a Balancer Labs também conta com o empreendedor Timur Badretdinov e com a ex-product manager da maior corretora de criptoativos dos Estados Unidos, Kristen Stone. 

Preço e valorização do BAL

De acordo com dados do Coingolive, a BAL subiu 197% nos últimos 200 dias. Apesar da alta impressionante, a equipe de desenvolvimento continua trabalhando para adicionar mais funções e melhorar o protocolo. 

A Balancer lançou sua versão 2.0 com melhorias na eficiência das pools, taxas dinâmicas, melhor experiência de usuário (UX) e empréstimos de ativos não usados em parceria com o protocolo AAVE.

Ficou interessado pelo projeto? Comece a comprar agora os seus primeiros tokens de BAL na NovaDAX. 

Compartilhe

Leia mais