buy the dip

Buy The Dip: conheça tudo sobre essa estratégia

Quantas vezes você já ouviu alguém dizer no mercado de investimentos “Buy the dip”. Essa expressão é muito usada tanto para criptomoedas quanto para o mercado de ações. Mas o que, exatamente, quer dizer isso? 

O que é Buy the dip?  

Na tradução do inglês para o português, “Buy the dip” significa algo como “compre na queda” ou “compre na baixa”. Essa expressão é um jargão utilizado por traders e investidores de criptomoedas. Sinaliza que os preços dos ativos estão caindo e que o momento estaria propício para compra. 

É como se fosse um chamado otimista para que os investidores comprem, pois é o momento ideal para adquirir o ativo, o qual tende a se valorizar ao longo do tempo. 

Como identificar o Buy the dip 

Esse chamado pode acontecer de duas maneiras: 

  • Análise gráfica: nada é 100% assertivo no mundo dos investimentos, porém gráficos revelam tanto uma tendência de alta como uma tendência de baixa. Logo, muitos estudiosos conseguem ter uma ideia, em alguns casos, de quando ocorre uma baixa e logo após uma tendência de alta, conforme análise gráfica. 
  • Especulativa: também existe essa forma, com o intuito de manipular o mercado. A intenção é fazer um chamamento para comprar na baixa. Com isso, muitas pessoas começam a comprar o ativo e, dessa forma, ele se valoriza. Em vez de os manipuladores comprarem, como estão anunciando, eles vão em sentido contrário, vendendo suas criptomoedas devido à valorização, pois, quando há muita compra, o ativo se valoriza. 

O mercado de criptomoedas é muito volátil. Por exemplo, o Bitcoin, em um dia seu preço pode aumentar consideravelmente, no outro pode despencar. E os investidores, que outrora tinham um bom capital, podem ver seu dinheiro ser reduzido. 

Quando isso acontece, de modo geral, investidores iniciantes entram em alvoroço, se desesperam e a primeira atitude é começar a vender suas criptomoedas. 

Tipos de investidores 

No mercado de criptomoedas, existem dois tipos de investidores: as baleias e as sardinhas. As baleias são os investidores que detêm grande capital; já as sardinhas, que são a maioria dos investidores, são as que possuem um pequeno capital. 

Enquanto o movimento das baleias é suficiente para impactar o preço de uma criptomoeda, o movimento das sardinhas não causa muito efeito, pelo contrário, para causar algum tipo de efeito gráfico é necessário a união de várias sardinhas. 

Por isso, muitas vezes, o mercado é manipulado. Enquanto as baleias estimulam as sardinhas a comprarem na baixa, elas, as baleias, fazem o oposto, aproveitam a compra e a valorização da moeda para vender e lucrar. O contrário também acontece: enquanto o medo da desvalorização bate no investidor iniciante e eles começam a vender tudo, outros começam a comprar, aproveitando o baixo valor do ativo para lucrar no longo prazo. 

Como saber que uma moeda vai se valorizar? 

A estratégia “Buy the dip”, além de se referir a “comprar na baixa”, também quer dizer “comprar nos mergulhos”. Quando existem diversas tendências de queda, chega um momento em que as variações de queda apresentam um esgotamento para as negociações. Sendo assim, a técnica aconselha que a cada novo fundo se invista um valor e se espere a valorização no longo prazo quando houver a reversão no mercado. 

Se isso não acontecer, então novamente haverá uma negociação de baixa e uma nova queda com novo fundo, e haverá uma possibilidade de investimento e a espera pela valorização.  A ideia é ir colocando valores estrategicamente em cada fundo gerado e esperar os ganhos quando houver alta no mercado. 

Quem aposta na estratégia “buy the dip”, isto é, comprar na baixa, investe nas quedas significativas esperando a exaustão do mercado para ganhar na alta. 

Essa é uma estratégia muito interessante, porém tem o seu ponto negativo: a falta de certeza. Saber o momento certo em que o mercado terá uma reversão e iniciará uma tendência de alta, não é algo garantido. Mesmo com uma análise técnica minuciosa, não é possível prever de forma assertiva. 

Além da análise gráfica, outros fatores devem ser observados, e é isso que causa muita incerteza. 

Mas, de uma forma bem básica, o mercado funciona mais ou menos assim: a criptomoeda já baixou muito, as negociações estão apresentando fortes exaustões, a ideia é investir em cada queda significativa e esperar os retornos futuros quando houver a inversão do mercado. 

Seguem alguns passos da técnica:  

  • Realize a compra quando o valor baixar. 
  • Acompanhe as oscilações e, conforme o preço baixar ainda mais, faça mais compras. 
  • Quando o preço voltar a subir, você para de comprar. 
  • Após a valorização de sua criptomoeda, você pode vender ou guardar como reserva de valor. 

Comece a investir com a NovaDAX  

Se você quer começar a comprar criptomoedas ou se já comprou, saiba que a NovaDAX tem várias moedas para negociação na sua plataforma, inclusive, na NovaDAX, é possível negociar Bitcoin com taxa zero.  

Compartilhe

Leia mais